MENU

08/07/2019 às 17h31min - Atualizada em 08/07/2019 às 17h31min

Marc Marquez mantém sua sequência na Alemanha ao vencer de maneira dominante.

Do f1mania.lance.com
Tobias Schwarz/AFP


O atual campeão mundial Marc Marquez continuou sua sequência de vitórias em Sachsenring, conquistando sua sétima em sete aparições na MotoGP no circuito alemão com uma apresentação dominante.
Marquez fez uma sólida largada da pole, vendo Fabio Quartararo sair na curva 1 enquanto liderava o pelotão. Ele imediatamente pareceu confortável, construindo uma pequena vantagem sobre o agora segundo colocado Maverick Viñales.
Ele continuou a disparar enquanto Alex Rins ultrapassou a Yamaha para assumir a segunda posição, com a Suzuki não conseguindo pressionar a Honda durante o resto da corrida.
A liderança de Marquez ganhou outra vantagem quando Rins caiu com dois terços de corrida completados, o espanhol errando a entrada da curva Waterfall e escorregando para a brita pela segunda corrida seguida.
Marquez eventualmente cruzou a linha com uma vantagem de 4.5 segundos sobre a disputa pela segunda posição envolvendo Viñales e a LCR Honda de Cal Crutchlow, conquistando sua sétima vitória na classe principal neste circuito, e sua 10ª entre todas as classes.
O britânico vinha colocando pressão sobre Viñales pela maior parte das 30 voltas, mas não conseguiu encontrar uma maneira de ultrapassar ao entrarem nas voltas finais da disputa.
Crutchlow pareceu tentado a fazer uma manobra para a segunda posição, mas cometeu um erro na Curva 10 e perdeu contato com a Yamaha.
Ele não conseguiu se recuperar, permitindo que Viñales terminasse na segunda posição, cerca de 3 segundos à frente do piloto da Honda, que terminou em terceiro, seu primeiro pódio desde a primeira corrida do campeonato no Qatar apesar de sofrer com uma fratura na tíbia em um acidente de ciclismo antes do fim de semana.
Danilo Petrucci saiu na frente da batalha pela quarta posição envolvendo cinco pilotos, segurando seu companheiro Andrea Dovizioso, enquanto Jack Miller seguiu os dois pilotos de fábrica da Ducati na sua moto GP19 cuidada pela Pramac, terminando na sexta posição.
Joan Mir fez outra grande apresentação pela Suzuki em sétimo à frente de Valentino Rossi, que marcou seus primeiros pontos desde Le Mans, enquanto Franco Mobidelli terminou na nona posição pela equipe Petronas SRT Yamaha.
Stefan Bradl completou o top 10 em sua primeira corrida nas cores da Repsol Honda de fábrica, substituindo o machucado Jorge Lorenzo. O alemão passou Pol Espargaró na parte final da corrida, sendo também ajudado pelo acidente de Aleix Espargaró, da Aprilia.
Fabio Quartararo foi outro grande nome a cair, o francês perdendo a traseira da sua Yamaha M1 na Curva 3 enquanto tentava ultrapassar Petrucci. Ele escorregou para a brita e abandonou pela segunda vez nesta temporada, seu outro único abandono sendo por conta de uma falha mecânica em Jerez.
O resultado do GP da Alemanha de MotoGP:
  1. Marc Marquez
    2) Maverick Viñales
    3) Cal Crutchlow
    4) Danilo Petrucci
    5) Andrea Dovizioso
    6) Jack Miller
    7) Joan Mir
    8) Valentino Rossi
    9) Franco Morbidelli
    10) Stefan Bradl
    11) Tito Rabat
    12) Pol Espargaro
    13) Andrea Iannone
    14) Takaaki Nakagami
    15) Karel Abraham
    16) Hafizh Syahrin
    17) Francesco Bagnaia
          18) Miguel Oliveira
OUT) Alex Espargaro
OUT) Alex Rins
OUT) Johann Zarco
OUT) Fabio Quartararo
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp