MENU

21/06/2021 às 17h18min - Atualizada em 21/06/2021 às 17h18min

Alex Palou leva GP de Road America na Indy. Zica da Penske continua.

Ainda não foi desta vez que a Penske conseguiu vencer na temporada da Fórmula Indy.

Rodrigo Gini
Do racemotor.com.br.
Chip Ganassi Racing.
Mais uma vez, o resultado escapou no fim, com o mesmo personagem da corrida 2 de Detroit. No GP de Road America, Josef Newgarden largou da pole com o Dallara Chevrolet #2, liderava na relargada a duas voltas do fim, mas sofreu um problema de câmbio que abriu caminho para Alex Palou (Dallara Honda #10/Ganassi). O catalão foi o único em condições normais de corrida a conseguir acompanhar o norte-americano e teve a chance de ir pela segunda vez no ano ao victory lane – a primeira aconteceu em Barber, na abertura do campeonato.
 
O mais longo (6.515m) e veloz misto do calendário da NTT Indycar Series mais uma vez proporcionou uma disputa animada. Newgarden se manteve à frente na primeira parte da prova, com os pneus macios (vermelhos). Palou, Colton Herta (Dallara Honda #26/Andretti) e Romain Grosjean (Dallara Honda #51/Dale Coyne with RWR) se destacavam no pelotão intermediário. Scott Dixon (Dallara Honda #9/Ganassi) optou por uma estratégia diferente para escalar o pelotão. Largou com os pneus duros e retardou a primeira parada.
Pouco depois da primeira rodada de pitstops, na volta 17, Jimmie Johnson (Dallara Honda #48/Ganassi) provocou a primeira amarela da tarde ao rodar sozinho. Numa pista de poucas neutralizações, a segunda veio logo depois, com Marcus Ericsson (Ganassi). Vários pilotos aproveitaram para novo reabastecimento e troca de pneus.

Magnussen líder:

Não foi o caso do estreante Kevin Magnussen (Dallara Chevrolet #7/Arrow McLaren SP), que assumiu a liderança ao permanecer na pista, seguido por Takuma Sato (Dallara Honda #30/Rahal Letterman Lanigan). A quebra com abandono do dinamarquês ex-F1 agrupou novamente o pelotão na volta 35. Algumas equipes aproveitaram para antecipar o último pitstop, na esperança de completar as 20 voltas restantes.
Não foi o caso de Newgarden, Palou, Will Power (Dallara Chevy #12/Penske), Grosjean, Dixon e Alexander Rossi (Dallara Honda #27/Andretti) que fizeram o pitstop em bandeira verde. Voltaram atrás de um trio composto por Max Chilton (Dallara Chevy #59/Carlin), Sato e Oliver Askew, que substituiu Rinus VeeKay no Dallara Chevy #21 da ECR; Um a um eles foram obrigados a voltar aos boxes, o que abriu caminho novamente para o #2 da Penske.


Nova amarela foi mostrada a quatro voltas do fim, quando Ed Jones (Dallara Honda #18/Dale Coyne) teve a suspensão traseira direita quebrada. Newgarden tinha praticamente o dobro de tempo de push to pass do que Palou mas, já na relargada, começou a perder rendimento. Cruzou se arrastando em 21º. Herta e Power herdaram a segunda e terceira posições, com Dixon em quarto e Grosjean em mais uma boa quinta posição. Estreia interessante de Cody Ware, com o terceiro carro da Dale Coyne with RWR (#52). Sem cometer erros, terminou em 19º na mesma volta do líder.
Palou não só recuperou a liderança do campeonato, como tem agora 28 pontos de vantagem sobre Pato O’Ward (Arrow McLaren SP), nono em Elkhart Lake.
:

PARCEIROS REGIONAL
Agencias Publicitarias
Clever Adversing Grup.
  bet365
  Bet9Ja
  BETANO
  BoyleSports
  Caliente
  FAVBET
  Hollywood bets
  Pari Match
  Planet win
 Pokerstars
 SOLVERDE.pt
 Stoiximan
 WINBET
 
PARCEIROS CLUBE EXPRESS
Maringá
-Veículos:
  Golden Car  Locadora
- Animais:
  Animal Center Maringá
- Alimentos e Bebidas
  Fatima Rico Tortas
- Lojas:
  Ricardo Eletro
- Clínicas:
  Clínica da Alma
- Vida Saudável
  Armazém Vida Saudável
Marialva:
- Papelarias:
 Papelaria Planalto


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp