MENU

15/06/2021 às 11h10min - Atualizada em 15/06/2021 às 11h10min

Kyle Busch 99 vezes na Nascar Xfinity com vitória no Texas.

Kyle Busch retornou neste sábado à Xfinity no Texas Motor Speedway (oval de 1,5 milha). Para ampliar seu número de vitórias na divisão de acesso: agora 99.

Rodrigo Gini
Do racemptor.com.br
Joe Gibbs Racing

Fim de semana de All-Star Race, a prova do milhão da Nascar Cup Series e, sem a pressão por pontos no desafio do domingo, Kyle Busch retornou neste sábado à Xfinity no Texas Motor Speedway (oval de 1,5 milha). Para ampliar seu número de vitórias na divisão de acesso: agora 99. Ele manteve o retrospecto positivo do Supra #54 da Joe Gibbs Racing que, este ano, já venceu com o prodígio Ty Gibbs.

Ele não tem conseguido vencer este ano na Nascar Cup mas, na Xfinity, voltou ao victory lane. Com o triunfo de número 97 na divisão de acesso da stock norte-americana. Kyle Busch manteve a calma em meio às cinco bandeiras amarelas nas últimas 30 voltas e à prorrogação na Alsco 300, em Charlotte. A sexta etapa do campeonato foi disputada, de forma inédita, no Memorial Day, o feriado em que os norte-americanos homenageiam seus militares mortos em combate.
Com o Supra #54 da Joe Gibbs, Busch teve trabalho especialmente no primeiro estágio da prova. Liderado por boa parte pelo Camaro #10 do ‘Melon Man’ Ross Chastain (Kaulig Racing), que largou na frente, por sorteio. Os dois trocaram de posição nas relargadas, mas valeu a experiência do atual campeão da Cup para levar as duas primeiras parciais da prova, de 200 voltas.

 
E como costuma fazer (foi assim em Darlington, semana passada), Busch acabou excedendo o limite de velocidade no pitlane. Teve de cumprir a punição e acabou ajudado pelo problema mecânico com Timmy Hill (Camry #66), na volta 154. O óleo derramado na pista ainda levou ao muro Chase Briscoe (Mustang #98), Chastain e Noah Gragson (Camaro #9/JR Motorsports).
Daí em diante começaram as neutralizações em série. Briscoe, novamente (volta 170); Austin Hill e Jeremy Clements (175); Myatt Snider (184) e Riley Herbst (192). A quatro voltas do fim, um ‘little one’ envolvendo Gragson, Brandon Jones, Justin Haley e Tommy Joe Martins, que estava no top 10 com seu equipamento limitado.

Overtime:

Chastain se recuperou e apostou em pneus novos para a prorrogação. Austin Cindric (Mustang #22/Penske) chegou a liderar e duelou com Busch no fim, mas acabaria superado também por Daniel Hemric (Camaro #8/JR Motorsports). Com a vitória do #54, nada de novo classificado aos playoffs. A categoria volta acelerar segunda-feira (1º), em Bristol.


PARCEIROS REGIONAL
Agencias Publicitarias
Clever Adversing Grup.
  bet365
  Bet9Ja
  BETANO
  BoyleSports
  Caliente
  FAVBET
  Hollywood bets
  Pari Match
  Planet win
 Pokerstars
 SOLVERDE.pt
 Stoiximan
 WINBET
 
PARCEIROS CLUBE EXPRESS
Maringá
-Veículos:
  Golden Car  Locadora
- Animais:
  Animal Center Maringá
- Alimentos e Bebidas
  Fatima Rico Tortas
- Lojas:
  Ricardo Eletro
- Clínicas:
  Clínica da Alma
- Vida Saudável
  Armazém Vida Saudável
Marialva:
- Papelarias:
 Papelaria Planalto
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp