MENU

02/06/2021 às 09h41min - Atualizada em 02/06/2021 às 09h41min

Paraná vence último entrave para consolidar proposta de Ponta Grossa para sediar ESA.

O empreendimento deve receber investimentos na ordem de R$ 1,2 bilhão e reunir um contingente de aproximadamente 10 mil pessoas. Ponta Grossa concorre com Santa Maria RS, Recife P., O resultado será definido no segundo semestre.

Da ANPr.
Governo do Paraná

O Paraná venceu o último entrave burocrático para consolidar a candidatura de Ponta Grossa para ser sede da nova Escola de Sargentos das Armas (ESA) do Exército Brasileiro. A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) concordou em desocupar a área em que está instalada a Fazenda Modelo, no distrito de Itaiacoca, deixando o terreno de 4,5 mil hectares à disposição para a construção da ESA. Em contrapartida, a instituição militar vai destinar um espaço no município vizinho de Palmeira para que a empresa pública possa dar continuidade aos trabalhos de pesquisa.
Os detalhes da permuta foram definidos pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior em reunião nesta terça-feira (1º), em Brasília (DF), com o presidente da Embrapa, Celso Luiz Moretti. O pleito paranaense dependia da regularização da área para avançar. O município dos Campos Gerais concorre com Santa Maria (Rio Grande do Sul) e Recife (Pernambuco) – as três finalistas entre 18 locais prospectados no País. O resultado será definido no início do segundo semestre.
“É mais um passo que o Paraná consegue dar na disputa para abrigar a Escola de Sargentos das Armas. A Embrapa entendeu nosso pedido e se colocou inteiramente à disposição para colaborar. Vamos agora fechar os últimos pontos técnicos e jurídicos para garantir celeridade ao processo”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior.
A Embrapa, inclusive, disponibilizou um ofício em que dá anuência à negociação, documento que também será encaminhado ao Exército como forma de respaldar a candidatura do Paraná.


PONTOS POSITIVOS – O governador lembrou que a infraestrutura e a localização geográfica são pontos que pesam muito a favor de Ponta Grossa. Citou, por exemplo, que a cidade é a quarta em número de habitantes no Paraná, com uma população de 355 mil pessoas. É o município de maior porte mais próximo de Curitiba – fica a 108 quilômetros da Capital, a cerca de 130 quilômetros do Aeroporto Internacional Afonso Pena e a 200 quilômetros do Porto de Paranaguá.
Além disso, reforçou Ratinho Junior, é um ramal logístico, com entroncamento rodoviário que permite acesso fácil às demais regiões paranaenses e aos estados vizinhos, além de um aeroporto recentemente remodelado com disponibilidade de voos diários para São Paulo.
“Ponta Grossa separou uma área nobre de quase 50 quilômetros quadrados para a construção da Escola de Sargentos das Armas. É uma cidade com bom porte, infraestrutura adequada e que tem atraído muitos investidores. Estamos otimistas com essa disputa”, destaca.

Em julho, o comandante-geral do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, deve conhecer a área. Em abril, uma comitiva do Exército esteve em Ponta Grossa para conhecer o local da possível instalação da unidade.
Além da área principal, um segundo espaço, de 18 quilômetros quadrados, em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, complementa a estrutura oferecida – o local será disponibilizado para a realização do que o Exército chama de instruções especiais (prática de atividades de campo).
As Forças Armadas contam com outras estruturas no município: o 13º Batalhão de Infantaria Blindada (13º BIB), o Esquadrão de Comando da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada e o Comando da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada.

ESA – Criada em 1945, a Escola Sargento Max Wolf Filho se localiza em Três Corações (Minas Gerais) desde 1949. A instituição de ensino superior do Exército forma sargentos de Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicação. O Exército iniciou estudo para a sua transferência para um novo local para ampliar a formação.
O empreendimento deve receber investimentos na ordem de R$ 1,2 bilhão e reunir um contingente de aproximadamente 10 mil pessoas, entre alunos, instrutores, familiares e todo o pessoal necessário para fazer a escola funcionar.

PRESENÇAS  Participaram da reunião o secretário Sandro Alex, de Infraestrutura e Logística, e o chefe do escritório de representação do Governo do Paraná em Brasília, Rubens Bueno II.

PARCEIROS REGIONAL
Agencias Publicitarias
Clever Adversing Grup.
  bet365
  Bet9Ja
  BETANO
  BoyleSports
  Caliente
  FAVBET
  Hollywood bets
  Pari Match
  Planet win
 Pokerstars
 SOLVERDE.pt
 Stoiximan
 WINBET
 
PARCEIROS CLUBE EXPRESS
Maringá
-Veículos:
  Golden Car  Locadora
- Animais:
  Animal Center Maringá
- Alimentos e Bebidas
  Fatima Rico Tortas
- Lojas:
  Ricardo Eletro
- Clínicas:
  Clínica da Alma
- Vida Saudável
  Armazém Vida Saudável
Marialva:
- Papelarias:
 Papelaria Planalto
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp