MENU

18/01/2021 às 15h46min - Atualizada em 18/01/2021 às 15h46min

Nasser Al-Attiyah diz que as atuais regras do Dakar não são justas.

Nesta sexta-feira (15), terminou a segunda edição do Rally Dakar na Arábia Saudita. Em uma luta emocionante entre o Mini de Stephane Peterhansel e a Toyota de Nasser Al-Attiyah, Peterhansel foi o vencedor no final do Rally.

Lucas Leite
Do F1mnia.net.com.br.
Reprodução/Twitter/@GPblog_com
Para Al-Attiyah, o regulamento é favorável ao Mini, que é um carro completamente diferente do Toyota. O Mini é um buggy e o Toyota um 4×4, aos quais se aplicam regulamentos completamente diferentes.
 
O Mini não é apenas geralmente mais rápido, mas suas rodas menores significam que o Toyota tem maior probabilidade de sofrer furos em terrenos rochosos. “Lutamos com um 4×4, temos muitos furos e o buggy é um buggy, não é um carro de nenhum fabricante”, disse Al-Attiyah ao site ‘Autosport.com’.
 
O buggy de Peterhansel e Carlos Sainz pode ter Mini escrito por inteiro, mas não está à venda em lugar nenhum e nem se parece com nenhum dos modelos da marca que estão no showroom. Al-Attiyah não quer afastar o Mini, mas quer competir com meios iguais. Para começar, pneus semelhantes, para que o Toyota sofra menos com furos.
“Não é uma questão de onde o buggy é melhor e onde o 4×4 é melhor. As regras não são justas, só isso. Não só por causa das rodas, há muitas coisas. Espero que os organizadores mudem, caso contrário, temos nenhum interesse em voltar”, afirmou Al-Attiyah.



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
PARCEIROS CLUBE EXPRESS
Maringá
-Veículos:
   Golden Car  Locadora
- Animais:
   Animal Center Maringá
- Alimentos e Bebidas
  Fatima Rico Tortas
- Lojas:
  Ricardo Eletro
- Clínicas:
  Clínica da Alma
- Vida Saudável
  Armazém Vida Saudável
Marialva:
- Papelarias:
  Papelaria Planalto
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp