MENU

13/05/2019 às 18h06min - Atualizada em 13/05/2019 às 18h06min

De ponta a ponta, Vergne vence o ePrix de Mônaco com Massa em 3º.

Do f1mania.lance.com
Divulgação


Largando na pole position, Jean-Eric Vergne se manteve na liderança do inicio ao fim do ePrix de Mônaco, e manteve a tradição de quem larga na frente, sempre vencer nas provas da Fórmula E realizadas no principado.
A vitória do atual campeão da categoria foi de ponta a ponta. JEV conseguiu se manter na primeira colocação após a largada, e apesar da pressão sofrida em alguns momento por Oliver Rowland (Nissan e.Dams), o piloto francês conseguiu cruzar a linha de chegada na primeira colocação.
Foi a segunda vitória de Jean-Eric Vergne na temporada, o que faz dele o primeiro piloto a conquistar duas vitórias nesta edição do campeonato de monopostos elétricos, e lhe devolve a liderança da competição.
O pódio do ePrix de Mônaco foi completado por Oliver Rowland e pelo brasileiro Felipe Massa (Venturi Formula E team), que pela primeira vez terminou entre os três primeiros colocados na Fórmula E.
Como foi a prova
As posições não sofreram alterações na largada, e os seis primeiros permaneceram os mesmos durante os dez primeiros minutos de prova.
Após algumas voltas, o alemão Pascal Wehrlein (mahindra Racing) errou a freada na Saint Devote (primeira curva após a linha de largada) e acabou sendo ultrapassado por Oliver Rowland e Felipe Massa.
Os quatro primeiros começaram a se distanciar dos demais pilotos, enquanto Sébastien Buemi liderava o segundo pelotão se formou atrás dele.
os pilotos então começaram a utilizar o modo ataque, e algumas alterações começaram a acontecer. Antonio Félix da Costa (BMW i Andretti Motorsport) ultrapassou Alex Lynn (Panasonic jaguar racing) e Alexander Sims (BMW i Andretti Motorsport) e subiu para a sexta colocação.
Um pouco mais atrás, Sam Bird (Envision Virgin Racing) que havia largado em 14º, subiu para a oitava colocação, seguido pelo brasileiro Lucas di Grassi (Audi Sport ABT Schaeffler).
A disputa seguiu tensa no pelotão intermediário, e em uma disputa entre Di Grassi e Sims, o brasileiro levou a pior e acabou sendo espremido pelo piloto da BMW i Andretti Motorsport e batendo no guard-rail, abandonando a prova.
Poucas voltas depois, Alexander Sims voltou a se envolver em um acidente semelhante, mas desta vez na Saint Devote com o holandês Robin Frijns (Envision Virgin Racing), que assim como Lucas di Grassi, também abandonou.
Na última volta, enquanto os quatro primeiros travavam uma intensa luta, Sam Bird acabou batendo e abandonando a prova quando ocupava a sexta colocação.
De ponta a ponta, Jean-Eric Vergne cruzou a linha de chegada em primeiro, seguido por Oliver Rowland, Felipe Massa e pascal Wehrlein, que receberam a bandeirada praticamente juntos com o vencedor.
A próxima etapa da Fórmula E será no dia 25 de maio, em Berlim na Alemanha.
Classificação final do ePrix de Mônaco:
1) Jean-Eric Vergne (DS TECHEETAH)
2) Oliver Rowland (Nissan e.dams)
3) Felipe Massa (Venturi Formula E Team)
4) Pascal Wehrlein (MAHINDRA RACING)
5) Sébastien Buemi (Nissan e.dams)
6) Antonio Felix Da Costa (BMW i ANDRETTI MOTORSPORT)
7) Mitch Evans (Panasonic Jaguar Racing)
8) Daniel Abt (Audi Sport Abt Schaeffler Formula E Team)
9) André Lotterer (DS TECHEETAH)
10) Alexander Lynn (Panasonic Jaguar Racing)
11) Stoffel Vandoorne (HWA RACELAB)
12) José Maria Lopez (GEOX DRAGON)
13) Jérôme D’Ambrosio (MAHINDRA RACING)
14) Gary Paffett (HWA RACELAB)
15) Alexander Sims (BMW i ANDRETTI MOTORSPORT)
16) Tom Dillmann (NIO Formula E Team)
17) Sam Bird (Envision Virgin Racing)
18) Robin Frijns (Envision Virgin Racing)
OUT) Oliver Turvey (NIO Formula E Team)
OUT) Lucas Di Grassi (Audi Sport Abt Schaeffler Formula E Team)
OUT) Edoardo Mortara (Venturi Formula E Team)
OUT) Maximilian Günther (GEOX DRAGON)
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp