MENU

07/05/2019 às 13h06min - Atualizada em 07/05/2019 às 13h06min

Uso de Drones na Agricultura de precisão.

Da Tecnologianocampo.com.br
Divulgação


As imagens captadas por Drones, aliadas a uma boa técnica de geoprocessamento, identificam com precisão a existência de pragas e falhas, problemas de solo, áreas atingidas por erosão e assoreamento de rios, área atacada com nematoide, deficiência hídrica, entre outros.
A prova desse conceito tem como objetivo embarcar inteligência nos Drones por meio de  algoritmos de computação visual que podem capturar várias imagens e gerar mapas automáticos em propriedades de até 50 hectares.
“Os resultados sugerem que a ferramenta é apropriada para adoção por trazer mais eficiência e precisão”, afirma o pesquisador Castro Jorge da Embrapa Instrumentação (São Carlos, SP).

Uso de Drones na agricultura

Nem para todo uso de Drones na agricultura o aparelho exige softwares altamente tecnológicos para trazerem benefícios ao produtor.
Não apenas para a pulverização, mapeamento aéreo ou para a irrigação, os Drones na agricultura são de diversas formas úteis nas lavouras.
A simples presença de uma câmera com boa resolução permite verificar, entre outras coisas:
  • Áreas desmatadas;
  • Presença de nascentes de rios e olhos d’água;
  • Focos de incêndio;
  • Exploração de áreas de difícil acesso;
  • Verificar áreas para abertura de estradas;
  • Buscar animais perdidos;
  • Vigilância;
  • Imagens comparativas em áreas experimentais (demo-plots)
Vejamos a variedade do uso de Drones na agricultura e sua importância para a agricultura de precisão.

Drones no Georreferenciamento

O georeferenciamento  é um instrumento requerido pelo INCRA e seus prazos variam de acordo com o tamanho da propriedade.
A utilização de Drones é uma das opções do georreferenciamento, e diversas empresas de georreferencaimento já usam desse maquinário para fazer o serviço.
Com a utilização dos Drones para esse fim, a certificação pode sair mais rápido e agilizar a legalização da propriedade.

Drones para Mapeamento Aéreo

Os Drones para mapeamento aéreo podem ser considerados a mais famosa aplicação dos Drones na agricultura.
Esses Drones para mapeamento aéreo são equipados com o sistema NDV  (Normalized Difference Vegetation Index), e conseguem:
  • Contar plantas e identificação de falhas nas linhas de plantio;
  • Identificar de ocorrência de pragas, doenças e deficiência nutricional na plantação;
  • Gestão de defensivos agrícolas;   
  • Gerar de mapas de aplicação de taxas variáveis para a aplicação de insumos e fertilizantes  com precisão;

Drones na Pulverização

Uma das aplicações mais famosas dos Drones na agricultura é a pulverização.
Um Drone pulverizador é capaz de mapear a topografia do solo, usando um sistema de laser e ultrassom. Mapeando a propriedade, os Drones conseguem aplicar os defensivos agrícolas   com maior precisão, economia e agilidade.
Algumas fontes citam que este sistema pode resultar em aplicações até cinco vezes mais rápidas em comparação à aplicação com maquinário convencional.

Drones na Irrigação

Ainda não muito comum entre as propriedades agrícolas no Brasil, os Drones para irrigação  são capazes de identificar com grande precisão, e com apenas um sobrevoo, as áreas da lavoura com maior exigência hídrica.
Essa identificação é feita através de sensores hiperespectrais, multiespectrais ou térmicos.
Os Drones para irrigação são mais comuns em regiões de regime pluvial irregular.
Nessas regiões a utilização de Drones pode ser viável, já que, além dos gastos com a implantação e manutenção dos aspersores e pivôs centrais, o cálculo correto da quantidade de água a ser utilizada geralmente é uma dificuldade para os produtores.
Esses números podem ser subestimados ou superestimados por erros na estimativa de evapotranspiração  da cultura, gerando danos econômicos significativos.
Dessa maneira, a aplicação dos Drones para irrigação se torna muito eficiente.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp