MENU

24/07/2020 às 14h51min - Atualizada em 24/07/2020 às 14h51min

Marc Márquez é liberado para correr GP da Andaluzia dois dias após operar braço direito.

Super Marc

Do grande premio.com
Repsol


A previsão mais otimista apontava um retorno para o GP da Tchéquia, em Brno, mas o espanhol tem aval para voltar ao circuito de Jerez dois dias após cirurgia no braço direito.

Marc Márquez já provou das mais diferentes maneiras que é um sobre-humano, mas mesmo assim não cansa de surpreender. Nesta quinta-feira (23), apenas dois dias após passar pela sala de operação, o espanhol realizou testes físicos e recebeu a liberação dos médicos para disputar o GP da Andaluzia.
A aposta do retorno parecia arriscada demais para se tornar verdade. Tudo começou com a forte queda que sofreu na abertura da temporada 2020 da MotoGP, também em Jerez. Com a fratura no húmero do braço direito, voou para Barcelona na segunda-feira e foi operado pelo Dr. Xavier Mir, médico da categoria, na terça-feira. Nesta quinta, voltou ao circuito espanhol deixando claro: queria correr.
Às 13h30 locais (8h30 em Brasília), Márquez passou por exames para avaliar sua condição física. Os resultados foram satisfatórios, e o piloto já foi visto na pista hoje sexta-feira, três dias após ter sido operado.
A situação era bastante improvável para todos no entorno de Marc. A Honda já havia embalado todo o material do box do #93, afinal, a previsão era de que conseguisse correr apenas na terceira etapa do calendário, em Brno, entre os dias 7 e 9 de agosto.
 

Marc Márquez corre o GP da Andaluzia (Foto: Reprodução/MotoGP)
 
Xavier Mir, revelou que sempre esteve nos planos de Márquez correr e explicou a situação do competidor. “Enquanto estávamos em Jerez, ele me perguntou se poderia correr esta semana. Não me perguntou na mesa de operação, mas em Jerez, sem saber se o nervo estava danificado ou não. Naquele momento, não saberia se conseguiria, mas estamos acostumados com essas recuperações.”
“Seus ossos são normais. Mas são de um jovem profissional, com uma musculatura particularmente ativa e forte, e com uma capacidade impressionante de sofrimento durante a reabilitação. Esses caras têm o doido desejo de se recuperar e competir novamente, o que causa reação do corpo”, concluiu.
Alberto Puig, chefe da Honda, revelou que o piloto de Cerverá corre no sábado, quando acontecem dois treinos livres e classificação, e então define se participa da corrida do domingo.
O hexacampeão espanhol não foi o único a passar pelo exame físico. Cal Crutchlow, com uma fratura no punho,e Álex Rins, com um ombro deslocado,  também realizaram testes e igualmente foram liberados para a corrida do final de semana.
A última vez que o líder da MotoGP fez um retorno precoce às pistas foi Jorge Lorenzo. Em 2013, o piloto da moto #99 teve queda violenta durante o primeiro treino em Assen. No mesmo dia, voou para Barcelona, foi operado na manhã da sexta-feira, na parte da tarde voltou para a Holanda e recebeu ok para correr. Naquela etapa, terminou em quinto.
 
O treino classificatório de MotoGP terá transmissão ao vivo e exclusivo neste sábado (25) na tela do FOX Sports , a partir das 9h. A largada para o GP da Andaluzia também está marcada para as 9h, domingo (26), e também está disponível na tela do FOX Sports.
 
PARCEIROS CLUBE EXPRESS
Maringá
-Veículos:
   Golden Car  Locadora
- Animais:
   Animal Center Maringá
- Alimentos e Bebidas
  Fatima Rico Tortas
- Lojas:
  Ricardo Eletro
- Clínicas:
  Clínica da Alma
- Vida Saudável
  Armazém Vida Saudável
Marialva:
- Papelarias:
  Papelaria Planalto
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp