MENU

07/11/2019 às 13h49min - Atualizada em 07/11/2019 às 13h49min

Maringá Flim começa com agenda cheia e variada.

Da Dir. Com. Maringá.
Aldemir de Moraes PMM


Começou na manhã de ontem, 6, a Festa Literária Internacional de Maringá (FLIM) 2019, no estacionamento do estádio Willie Davids. Mesmo antes de abrir o portão já havia fila com estudantes e público em geral. Durante todo o dia há mais de 20 atividades gratuitas. Destacando a mesa com o apresentador e jornalista Zeca Camargo às 19h30, logo após abertura oficial da Flim. "Vamos levar os alunos para conhecer os estandes e depois vamos participar das atividades para crianças", comentou a supervisora da escola municipal Odette Alcantara Rosa, Neusa Ramires. Ela estava com grupo de 54 alunos com idade media de 6 anos. 
 
Um dos estandes que lotou logo na abertura foi da Secretaria de Educação de Maringá. O teatro de bonecos "Dona Baratinha" reuniu crianças sentadas à frente do pequeno palco acompanhando com entusiasmo a apresentação. 
Outras escolas e grupos também já aproveitaram a abertura da Flim. Como a escola municipal José Hiran Sallee com 60 alunos de idade media de 8 anos. Eles aguardavam começo da contação de história na tenda no Circo Literário. 
 
Já o colégio Bilíngue para Surdos de Maringá levou 21 alunos para participar de palestra "Literatura surda", com Claudio "Cacau" Mourão. Atividade no No Auditório Sertões teve intérpretes de libras. 
A equipe da Secretaria de Cultura de Maringá (Semuc) e monitores voluntários orientam visitantes. Também há telas nos corredores passando a programação do dia da Flim.
 
A Flim foi criada em 2014. No ano passado reuniu 50 mil pessoas e movimentou R$ 120 mil. Este ano, a organização estima aumentar as visitas em 40%. Evento segue até domingo, 10, com entrada gratuita. Confira programação completa no site da Flim 2019 . 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp