MENU

20/08/2019 às 15h26min - Atualizada em 20/08/2019 às 15h26min

Maringá Fiscalização de postos tem lacre de bomba; consumidor perdia 9 ml por litro.

Da Dir. Com. Maringá.
Aldemir de Moraes\ PMM


Procon e Ipem fiscalizam postos de combustíveis em Maringá. Os fiscais encontraram em uma bomba de um posto uma diferença entre o que mostra na bomba e o que realmente saia na mangueira acima do tolerado em lei.
A cada litro de etanol o consumidor perdia cerca de 9 ml. A constatação, resultado de operação do Procon e Ipem - Instituto de Pesos e Medidas, resultou na lacração do bico de bomba em posto de combustível maringaense. Tolerância na diferença da vazão é de apenas 3 ml. 
 
A fiscalização inicial, em quatro estabelecimentos, segue por tempo indeterminado e concentrará também na inspeção da qualidade. Exame das misturas dos combustíveis fica por conta do Laboratório de Análises de Combustíveis da UEM (LAC). Resultados serão divulgados dentro dos próximos dias. 
 
Operação também notificou loja de conveniência que comercializava produtos com valores diferentes para bandeiras de cartões de crédito. Próximas ações reunirão ainda Receita Estadual que atuará na fiscalização da transmissão de dados e combate à sonegação. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp