MENU

06/08/2019 às 14h25min - Atualizada em 06/08/2019 às 14h25min

Novo Parque Industrial de Maringá tem 252 terrenos vendidos para 94 empresas.

Da Dir. Com. Maringá
Aldemir de Morais/ PMM


Dos 283 terrenos colocados à venda no Parque Industrial Felizardo Meneguetti, em Maringá, 252 já foram vendidos para 94 empresas, muitas de outros estados. Outros 31 estão em fase adiantada de negociação. Instalações começam a ser erguidas no local. "A prefeitura oferece vários benefícios para quem quiser instalar uma empresa nessa área industrial", afirma Francisco Favoto, secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico (Seide).
Entre os incentivos ofertados estão isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) por dez anos, isenção do Imposto Sobre Serviços (ISS) da obra, serviço de terraplanagem, subsídio no valor do terreno entre 60 e 90% e, após 5 anos no mesmo local, a empresa obtém a escritura definitiva da área. Os benefícios estão previstos no Programa de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Prodem), criado em 2005 pela  lei municipal 6936.

Para negociar os terrenos e favorecer os investidores com os benefícios previstos em lei, a prefeitura avalia a quantidade de empregos que serão gerados pela empresa, a área construída, a geração de impostos, entre outros. Esses aspectos passam por uma comissão formada por representantes de secretarias municipais e vereadores. O processo é rápido e o ritmo dos investimentos já muda o cenário do parque industrial, com instalações já em funcionamento. 

A primeira empresa instalada é a Líder Estruturas Metálicas,  que desde janeiro ocupa terreno de 2,5 mil metros quadrados. "Me interessei pelos descontos e isenção de impostos", afirma o empresário, Elias Marques, justificando a transferência do seu negócio, criado há 20 anos, para o parque industrial. Outro investidor, a empresa maringaense Eden Beer, vai investir R$ 15 milhões numa nova unidade em terreno de 20 mil metros quadrados. Previsão é de operar a partir de março de 2020.
A mineira Olivy Club, de Juiz de Fora, se instala em quatro terrenos para produzir roupas íntimas femininas e gerar cerca de 60 empregos. Outras 12 empresas de outros estados finalizam projetos para reforçar o parque industrial e o saldo positivo de novos negócios 1248 unidades. Entre 2017 e junho de 2019 foram abertas 7.884 empresas na cidade e 6.636 foram fechadas. Nos últimos dois anos, somente entre quatro empresas que se instalaram em Maringá houve a geração de 1557 empregos.

O Parque Industrial Felizardo Meneguetti tem uma área de 2,5 milhões de metros quadrados. A ocupação foi prevista em quatro etapas/regiões: a primeira é feita infraestrutura com previsão para liberar construção até fim do ano; etapas dois e três estão liberadas para construção e a parte quatro são feitas obras de infraestrutura. Até então, há 94 empresas que adquiriram áreas e há mais 31 terrenos disponíveis. Os espaços variam entre 1,2 mil m² e 20 mil m². 
Para ser ocupado, a prefeitura precisou corrigir erros de projeto da gestão anterior,  como no sistema de alimentadores de energia, abastecimento de água, pavimentação, rampas de acessibilidade, entre outros. Os erros foram apontados por CPI criada pela Câmara de Vereadores.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Fale Conosco
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp